sábado, 27 de junho de 2009

Locação de bicicletas na Europa

Existe uma demanda por aluguel de bicicletas públicas na Europa. Faz parte de uma busca das autoridades locais por alternativas ao trânsito e combate à poluição. E ja estão aparecendo empresas especializadas nisso. Uma máquina criada na Holanda ( país com tradição em políticas públicas para bicicletas).Pela Springtime funciona como uma vending machine para aluguel de bicicletas (como uma máquina de doces que, em vez do chocolate, entrega uma bicicleta). Todas as bikes são equipadas com chips de rastreamento RFID, o que facilita a devolução. O projeto foi um dos ganhadores no Spark Design & Architecture Awards deste ano. Aliás, o aluguel de bicicletas públicas, é uma das manias deste verão europeu. Em Paris, por exemplo, funciona um serviço que coloca à disposição 10 mil bicicletas por 750 pontos na cidade. E por aproximadamente 1 Euro por dia, qualquer um pode pegar uma, andar e devolvê-la em dos pontos. A coisa fez tanto sucesso que as autoridades ja falam em dobrar o número de bicicletas públicas e pontos de aluguel até o fim do ano.

Quer saber mais! acesse: www.rodalivrebikers.com.br

Índia Exótica

* Para quem curte um documentário vai a dica de um bem interessante. O DVD Planeta Estranho: Índia Exótica. São dois megas DVDs em um lindo álbum, com muita coisa boa! Vale a pena conferir!


"Considerado um dos jornalistas mais inventivos da atualidade, Arthur Veríssimo parte rumo a uma Índia que poucos conhecem. Seu objetivo: desvendar os mistérios por trás da cultura, artes, esportes e festividades religiosas milenares que acontecem no país, e revelar as pessoas curiosas e até mesmo estranhas que compõem este cenário. Das festas tradicionais indianas aos rituais sagrados em templos escondidos no Himalaia, Planeta Estranho: Índia faz um sensível e divertido retrato da torre de Babel que é este canto do mundo, transformando-se em um importante documento para a compreensão do comportamento humano nas mais diferentes partes do globo."

* Confira no vídeo abaixo uma pequena passagem do DVD, Índia Exótica. Neste o repórter, Arthur Veríssimo, comenta sobre o trânsito infernal da índia. É uma loucura!
Como no dia-a-dia do nosso Blog, comentamos sobre o uso da bicicleta como uma solução inteligente para burlar as condições do trânsito, cada vez mais difícil, não podia deixar de referenciar este momento. É lógico que nosso trânsito é mais organizado. Porém, pensei que no futuro próximo, podemos estar também presenciando esta loucura estafante - "urbanóide do trânsito caótico" - que Arthur Veríssimo nos reporta.
Por isso, que estou firme e forte com meus companheiros de luta!
Aprenda e desfrute dos benefícios da BICICLETA. Todos os homens de bem e sensatos recomendam.
video
* Ennio Winther - BKrC

sexta-feira, 26 de junho de 2009

A frota de veiculos não para de crescer

A frota de veículos dobrará em Curitiba nos próximos 10 anos, atingindo 2,1 milhões de veículos, se for mantido o ritmo de crescimento de 38,63% dos últimos cinco anos (2003-2008). Hoje a cidade já é a capital mais motorizada do país – tem 1 veículo automotor para 1,63 habitante –, com uma frota de 1.097.030 unidades para uma população de 1.828.092 – dados de 2008.
As ruas da capital estão congestionadas porque a frota da cidade e do entorno não para de crescer. Curitiba pulou de 791.286 veículos em 2003 para 1.097.030 em 2008. E a frota continua esticando. Eram 1.111.013 veículos em abril deste ano, serão mais de 1,5 milhão em 2013, passando dos 2,1 milhões em 2018, caso o ritmo se mantenha.

Disponível em: http://portal.rpc.com.br
Acesso em: 26/06/2009

sábado, 20 de junho de 2009

Países que reduziram acidentes de trânsito investiram em educação

video
Segundo Pedro Akishino, professor de segurança no trânsito da Universidade Federal do Paraná."O risco de serem pegos numa blitz, faz com que muitos motoristas respeitem a lei. Ainda, ressalta que o número de queda nas estatísticas não quer dizer que a lei seca "pegou" no Brasil, porque muitos fatores estão relacionados aos acidentes de trânsito, como erros humanos e problemas mecânicos." Ele considera que para acabar com a relação álcool e direção é preciso investir na educação para o trânsito. "Todos os países que reduziram os índices de acidentes de trânsito investiram na educação. O trânsito passou a ser disciplina nas escolas em todas as séries".

Gazeta do Povo, 18 de junho de 2009. Vida e Cidadania,p4.

quinta-feira, 18 de junho de 2009

Número de mortes cai 22,5% após a implantação da lei seca

A lei seca completa um ano no próximo no sábado 20 de Junho de 2009. Segundo Maria Gizele da Silva, o "balanço do Ministério da Saúde mostra que registros de mortes e de internações pelo SUS de pessoas acidentadas caíram depois que a lei se tornou mais rigorosa". Em Curitiba em estudo parcial realizado pelo Batalhão de policia de trânsito, aponta que a volume de acidentes caiu 17,7% em Curitiba nos 10 meses após a vigência da lei. Houve uma queda no número de acidentados em torno de 13%. O Hospital do Trabalhador, que é uma das portas de entrada dos acidentados na capital, contabilizou 22% menos vítimas de acidentes de trânsito entre os meses de Janeiro a maio deste ano, comparados ao mesmo período do ano anterior.

*A verdade é clara nós acreditamos no poder das leis, desde que a fiscalização seja competente. Com toda a certeza álcool e direção não combinam. Desta maneira, não se pode deixar no esquecimento uma lei que pode salvar vidas.

* Ennio Winther - BKrC

Dipomível em: www.portal.rpc.com.br/gazetadopovo/
Acesso em: 18/06/2009

quarta-feira, 17 de junho de 2009

2.787 toneladas a menos de poluição com novos ônibus














Com a renovação da frota de ônibus, a Rede Integrada de Transporte de Curitiba (RIT) deixou de emitir para a atmosfera 2.787 toneladas de gases tóxicos, de 2005 a 2009. Neste período, a frota recebeu 1.120 novos ônibus, com motores Euro 3, menos poluentes. "Modernizando a nossa frota, também investimos na sustentabilidade do meio ambiente e na qualidade de vida para os curitibanos", diz o prefeito Beto Richa. "Menos poluição representa melhor qualidade do ar para os curitibanos e preservação do meio ambiente."

Foto: Cesar Brustolin /SMCS
Leia mais acesse: http://www.urbs.curitiba.pr.gov.br

terça-feira, 16 de junho de 2009

Discussão no trânsito - continuação

Para se ter uma ideia, brigas e discussões no trânsito de São Paulo geram mais de 400 ocorrências diárias. Infelizmente estes episódios sórdidos são mais comuns que se possa imaginar. Segundo psicóloga especialista em trânsito, Nelsa Coraça, entrevistada pela repórter, Karine Garcia e exibido na RPC, comenta :"as pessoas estão indo para o trânsito sem a consciência que é um espaço coletivo". Realmente, é um situação importante a ser considerada e discutida, esta falsa impressão que os motoristas possuem de que as ruas são um espaço privado, ou seja, um sentimento de posse indevido do espaço coletivo, no qual o carro está inserido. Na verdade o espaço viário das cidades é público e existem leis a serem respeitadas e a necessidade de convívio mútuo é permanente e nada justifica o comportamento agressivo ou uma dispusta territórial.

video
Disponível em: http://portal.rpc.com.br/tv/paranaense/paranatv1edicao.phtml
Acesso em: 16/06/2009

segunda-feira, 15 de junho de 2009

Discussão no trânsito termina em confusão em Curitiba

video
Realmente inacreditável! O que leva as pessoas a terem episódios de fúria motivada por uma discussão no trânsito. Sem emitir acusações, o que posso dizer é que o maior culpado é essa vida LOUCA entre carro, trânsito, trabalho o resultado é sem dúvida mal-estar e estresse. A falta de ética e cidadania é notório no dia-a-dia de nosso trânsito.

Disponível em :http://home.rpc.com.br/
Acesso em: 15/06/2009

sexta-feira, 12 de junho de 2009

Recorde de congestionamento em São Paulo












Aventura especial, quarta-feira 10/06/2009. Chegando em São Paulo em pleno horário de pico, mas precisamente às 18:30h na Marginal Pinheiros próximo ao Largo de Pinheiros. Chovia muito no momento que desembarquei do ônibus de Curitiba.Pensei em pegar o trem, ônibus e até mesmo um táxi, mas não tive coragem! Meu destino era o Itaim Bibi próximo ao parque do Ibirapuera. Logo pensei, vou caminhando. Mesmo debaixo de chuva aproveito para observar o que um típico paulistano enfrenta todos os dias no trânsito de São Paulo. Foi uma experiência e tanto! Andando pelas ruas escuras, meio temeroso, levando banho de água dos carros que passavam, após aproximadamente 30 minutos de caminhada, chego ao Largo de Pinheiros. Lá verifico uma cena muito diferente do nosso cotidiano em Curitiba. Além do mar de carros nas ruas, os pontos de ônibus estavam simplesmente lotados, realmente impossível ter acesso rapidamente aos ônibus, que fazem ponto no Largo de Pinheiros. O espaço na calçada é muito restrito para tantas pessoas que esperavam a sua vez de tentar subir em algum ônibus lotado. Sem comentar as obras do mêtro na região, trazendo ainda mais lixo, sujeira e principalemte restrições aos pedestres. Parecia que estava em uma cena daqueles filmes futuristicos, realmente surreal. Lá pensei em pegar um ônibus, mas ficar parado no ponto, subir em um ônibus lotado e ainda ficar sufocado em pé por um longo tempo no trânsito, ninguém merece!!! Continuei minha caminhada e observação pelas ruas. A sensação que tinha é que os pedestres tinham vantagem frente aquele trânsito. Cheguei a marcar um carro na rua e observar o quanto ele progredia em relação a minha caminhada, olha sem pouca modestia, estava bem mais rápido que os carros. É isso, o "Bkr" em uma pequena aventura no congestionamento de São Paulo.

O mapa da mina - Inglaterra / Londres
















Segundo Priscilla Santos, depois de passar a cobrar pedágio para os carros circularem no centro da cidade, Londres lançou o Cyclescheme: um programa de incentivo para que empresas comprem bicicletas com impostos reduzidos e as ofereçam a seus funcionários como um benefício. Uma espécie de vale-transporte, porém em forma de bicicleta. Quem adere ao programa ganha um vaucher no valor de 1000 libras, cerca de 3500 reais, e vai até uma das lojas cadastradas para escolher sua bike. O veículo pertence à empresa, mas, se a pessoa sair do emprego, tem o direito de comprar a bike por um preço de mercado, digamos, justo. Já quem quer pedalar e não sabe por onde começar pode obter gratuitamente, em pontos estratégicos da cidade, o London Cycle Guide, guia de ciclovias e ruas mais tranqüilas indicadas por ciclistas experientes como as melhores para se pedalar. Do jeito que a coisa anda, é bem capaz que o plano de fazer de Londres uma das capitais da bike se concretize. A prefeitura local anunciou o maior investimento para bicicleta da história da cidade. O objetivo é aumentar em 400% o uso da magrela até 2025 (de 2000 para cá, esse índice já cresceu 83%), com ações como a instalação de sistemas de aluguel de bicicletas e a construção de ciclovias - devem se completar 900 quilômetros até 2010.

Disponível em: http://vidasimples.abril.com.br
Acesso em: 12/06/2009

sexta-feira, 5 de junho de 2009

Carros demais


"No gráfico ao lado é possível acompanhar a evolução da frota de veículos em comparação a população, dados estes até 2007. Atualizando estes números com toda a certeza serão ainda maiores. Como ignorar o fato que os veículos crescem nas ruas a cada ano, mas a infraestrutura permanece basicamente a mesma. A questão é, cada vez mais a condição de investir em infraestrutura ficará reduzida, por um simples motivo, não há mais espaço urbano para absorver a crescente frota de veículos.
Acredito que ações de conscientização deverão ser intensificadas, pois além do trânsito absorver a cada ano uma grande quantidade de novos veículos tornando a movimentação da cidade ainda mais difícil, há a questão ambiental. Sem dúvida o meio ambiente sofre com a poluição do ar e poluição sonora, causando diversos danos à saúde humana. A população deve subtrair o individualismo e conscientizar-se, fazendo de fato uma profunda reflexão sobre o uso do carro e outras formas de transporte.
Faça a sua parte!
* Use mais o transporte coletivo, ande a pé ou de bicicleta;
* Pratique a carona solidária;

Ennio Winther - BKrC

quinta-feira, 4 de junho de 2009

A relação carro por habitante é muito alta em nossa cidade

video

Bike repórter trasitando Curitiba, acompanha o resgate de vítima de atropelamento. A idéia com estas imagens é ratificar a necessidade de ampliar a discussão sobre a utilização da bicicleta como meio de transporte. Na verdade a relação carro por habitante é de 1,8 habitante por veículo, ou seja, a frota de carros cresce mais que a população da cidade. Curitiba é a cidade com maior frota de veículos do Brasil, segundo artigo do jornal Biocidade, edição especial do dia mundial do meio ambiente. E ainda, não posso deixar de elogiar o grandioso trabalho do SIATE, parabéns!

Ennio Winther - BKrC

terça-feira, 2 de junho de 2009

Transporte Coletivo pode ajudar a qualidade do ar

O transporte coletivo é um grande aliado dos centros urbanos para a diminuir as emissões de poluentes no ar e melhorar a qualidade de vida. Mais pessoas utilizando o transporte coletivo significa menos carros nas ruas e consecutivamente um ar mais limpo. Pensando nisso, a Prefeitura tem investido em melhorias que atraiam cada vez mais passageiros para os ônibus. As obras incluem novos eixos de transporte público, como a Linha Verde, ligando o Pinheiro ao centro; uso de biocombustível, renovação da frota de ônibus e linhas mais rápidas, como o ligerão. Assim, toda a vez que um cidadão deixa seu carro na garagem e utiliza o transporte coletivo de Curitiba, a cidade agradece.

Fonte: Jornal Biocidade - Em busca da cidade sustentável - Edição especial - 5 de junho de 2009

segunda-feira, 1 de junho de 2009

190 km/h é Crime. Queremos Justiça!

video

Ennio Winther - BKrC

Perfil dos ciclistas Curitibanos 2008






















Verifiquei este gráfico no blog, Transporte Humano, postado por Luis Patricio. Diz respeito ao perfil dos ciclistas Curitibanos. Em resumo, verifica-se a utilização da bicicleta como meio de transporte em maior número pelo gênero masculino. Entre os motivos do uso da bicicleta como meio de trasnporte o trabalho foi o mais relatado, sendo que a maioria dos entrevistados, utiliza a bicicleta todos os dias da semana. Esta pesquisa também relata, preferência, dificuldades, escolaridade e faixa de renda da população entrevistada.

Disponível em: http://transportehumano.wordpress.com
Acesso em: 01/06/2009

Ennio Winther - BKrC

Dicas para transportar crianças

1. Quando chegar ao local desejado, nunca deixe a criança sozinha no carro.
2. Evite discussões com as crianças no carro.
3. Não basta apenas ter o assento adequado para crianças, saiba como utilizá-lo.
4. Mantenha as janelas traseiras do veículo semi-fechadas e as portas travadas.
5. É melhor evitar que a criança coloque a cabeça ou o braço para fora da janela repentinamente e seja atingida por outros veículos, árvores ou postes.
6. Atitudes inesperadas como mexer nos equipamentos do carro podem colocar o veículo em movimento e causar um acidente.
7. Combine antes como elas devem se comportar no veiculo, educando-as desde pequenas sobre as leis de trânsito.
8. Transportar crianças em automóvel sem cumprir as normas de segurança especiais é uma infração gravíssima, com multa e retenção do veiculo até que a irregularidade seja corrigida.
9. O embarque e desembarque de crianças devem ser feitos sempre pelo lado da calçada e nunca com o carro em movimento.
10. Para garantir a segurança dos bebês, transporte-os sempre no banco de trás, em cadeirinhas especiais desenvolvidas de acordo com a idade.
11. Crianças com até 10 anos ou 1,45m andam sempre no banco de trás com o cinto de segurança.
12. O porta-malas dos carros e a carroceria de caminhonetes são para transportar cargas e não pessoas.
13. Preserve a segurança dos passageiros, principalmente das crianças e evite multa e apreensão do veículo.
14. O local mais seguro para a criança no veículo é o centro do banco traseiro, sempre com o cinto de segurança.
15. Adapte o cinto ao tamanho da criança.
16. Os cintos de três pontos são os mais garantidos.
Disponível em:http://www.pmpr.pr.gov.br/bptran/
Acesso em:01/06/2009

Os dez mandamento do ciclismo



Os amigos da Roda Livre Biker´s passaram algumas dicas interessantes antes de sair com sua Bike.
--------------------------------------
1) Verificar a bike: Antes de subir em sua bicicleta, você deve sempre fazer uma vistoria. Analisar as condições dos pneus, dos freios, das marchas, do guidão e dos componentes em geral é imprescindível. Regule o que for necessário e lubrifique as engrenagens com algum óleo especial.
--------------------------------------------------------------
2) Segurança: Nunca deixe de usar capacete. Segundo as estatísticas, a maioria das mortes do ciclismo é causada por pancadas na cabeça. “Este equipamento é fundamental. Procure comprar um que o casco seja injetável na estrutura e que tenha a aprovação da norma mundial”, disse Cleber Anderson, da Anderson Bicicletas.
--------------------------------------------------------------
3) Óculos: Para evitar que insetos, galhos de árvores, poeira e detritos em geral possam machucar seu olho – e luvas – protegem as mãos, que tocam primeiro o solo em caso de quedas – são itens importantes para sua segurança, assim como os faróis, caso sua pedalada seja durante a noite.
--------------------------------------------------------------
Quer saber mais? acesse o link abaixo e confira as outras dicas!
Acesso em: 01/06/2009

domingo, 31 de maio de 2009

Academia Espaço do Corpo

Academia Espaço do Corpo, empresa voltada no seguimento da saúde, esta apoiando o projeto bike repórter transitando Curitiba.
Conjuntamente está considerando o apoio aos ciclistas e ao movimento cicloativista em direção a modalidade de transporte não motorizado. Na academia todos os alunos que acessam a recepção de bike, ganham desconto especial no pagamento de seu plano. Venha treinar na Academia Espaço do Corpo!

video

É mais uma empresa parceira da bicicleta!
Ennio Winther - BKrC

Seminário Nacional Cicloviário em Sorocaba - SP

Nos dias 18 e 19 de junho de 2009, será realizado o Seminário Nacional Cicloviário em Sorocaba. Este seminário é uma iniciativa da ANTP - Associação Nacional de Transportes Públicos, com apoio da Empresa de Desenvolvimento Urbano e Social de Sorocaba -Urbes. O objetivo é debater a bicicleta e seu papel no contexto da mobilidade urnana no País. Uma modalidade de transporte individual, não motorizado, que tem um importante papel a desempenhar na mobilidade urbana.

Principais temas do seminário:
1) A bicicleta e a cidade;
2) Como implantar uma política cicloviária;
3) Mudança de comportamento:Educação e Legislação;
4) Construindo a infra-estrutura cicloviária;
5) Oferta de estaionamento e bicicletas públicas (VELIB);
6) Perspectivas da indústria de bicicletas no Brasil;
7) Impacto do transporte cicloviário no desenvolvimento urbano;

video

Veja mais!
Disponível em: www.antp.org.br
Acesso em: 31/06/2009

sábado, 30 de maio de 2009

Desabafo - BKrC


" Meus caros amigos, nós buscando levantar a bandeira do movimento em prol de uma alternativa de transporte que ajude o mundo a viver melhor e do outro lado do mundo, uma nação produzindo seu arsenal nuclear. Bombas atômicas, OU COISA PRÓXIMA desta merda!
Pensem nas nossas crianças em seus filhos.
O que será de nós ? das nossas famílias ?
Neste mundo das minorias. Quando você liga sua TV é como levar uma pedrada, ficamos atônitos com as notícias que ameaçam nosso planeta, as pessoas de bem que querem somente andar de bicicleta com suas crianças........... Em que mundo estamos vivendo."



Desculpem é mesmo um desabafo!
Ennio Winther - BKrC